TRATAMENTO COCAÍNA

A Clinica LAV, seus médicos e a equipe de profissionais da saúde, incluindo psicólogos, terapeutas e afirma que:

1.Manter atividades corriqueiras ou, se está desocupado(a), esquematizar uma nova rotina de atividades. O indivíduo não deve ter tempo nem para pensar na cocaína, pois isso já é meio caminho para usá-la. Não há nada pior do que o ócio!

2.Frequentar um grupo de auto-ajuda como os “Narcóticos Anônimos”, onde o indivíduo poderá discutir seu problema com outros dependentes, podendo encontrar no grupo, sempre, encorajamento e apoio.

3.Promoção de abstinência. São tratadas as complicações pelo uso da droga – por exemplo: o indivíduo dependente de cocaína pode apresentar crises de convulsão e alucinações.

 

O indivíduo dependente de cocaína acaba por sofrer problemas em praticamente todas as esferas de sua vida: afasta-se dos amigos e da família, sofre os problemas decorrentes do uso da droga. Pode ter problemas legais (por exemplo: prisão por roubo ou por porte de drogas), não consegue manter seu emprego.

Além disso, é comprovado em alguns estudos que indivíduos dependentes de cocaína que procuram tratamento têm ao longo do tempo menos complicações do que aqueles que não procuram

Essas são razões suficientemente fortes para que se justifique o tratamento de dependentes de cocaína.

Dura toda a vida. O indivíduo nunca mais poderá usar cocaína, maconha, álcool e outras drogas, sob pena de voltar à sua antiga situação (muitas pessoas não devem nem querer lembrar disso). Deverá fazer uso do que aprendeu durante as outras etapas, devendo estar consciente de que nem sempre terá um médico por perto para ajudá-lo(a).

O indivíduo dependente de cocaína acaba por sofrer problemas em praticamente todas as esferas de sua vida: afasta-se dos amigos e da família, sofre os problemas decorrentes do uso da droga. Pode ter problemas legais (por exemplo: prisão por roubo ou por porte de drogas), não consegue manter seu emprego.

Além disso, é comprovado em alguns estudos que indivíduos dependentes de cocaína que procuram tratamento têm ao longo do tempo menos complicações do que aqueles que não procuram

Essas são razões suficientemente fortes para que se justifique o tratamento de dependentes de cocaína.

A Clinica LAV, seus médicos e a equipe de profissionais da saúde, incluindo psicólogos, terapeutas e afirma que:

1.Manter atividades corriqueiras ou, se está desocupado(a), esquematizar uma nova rotina de atividades. O indivíduo não deve ter tempo nem para pensar na cocaína, pois isso já é meio caminho para usá-la. Não há nada pior do que o ócio!

2.Frequentar um grupo de auto-ajuda como os “Narcóticos Anônimos”, onde o indivíduo poderá discutir seu problema com outros dependentes, podendo encontrar no grupo, sempre, encorajamento e apoio.

3.Promoção de abstinência. São tratadas as complicações pelo uso da droga – por exemplo: o indivíduo dependente de cocaína pode apresentar crises de convulsão, alucinações, não conseguir dormir noites inteiras, etc. devendo receber, a depender do caso, medicação apropriada.

Dura toda a vida. O indivíduo nunca mais poderá usar cocaína, maconha, álcool e outras drogas, sob pena de voltar à sua antiga situação (muitas pessoas não devem nem querer lembrar disso). Deverá fazer uso do que aprendeu durante as outras etapas, devendo estar consciente de que nem sempre terá um médico por perto para ajudá-lo(a).

x

Bem Vindo(a) a Clinicas LAV ! As melhores unidades e os melhores profissionais você encontra aqui !

Envie-nos sua mensagem.